Somos todos Idiotas?

Ilustração de Oswaldo Goeldi

Estou terminando de ler “O Idiota” do Dostoievski… não sei porque mas todo livro que leio dele tenho o sentimento de no momento que estou lendo este ser o melhor livro dele, não sei explicar o sentimento, mas é algo como “porra esse livro é muito bom!”, e de novo me sinto como uma criança lendo o primeiro.

Anotei varios pontos interessantes da obra, quando terminar e tiver um tempo (o que está bem dificil de conseguir) posto aqui, sei que vivo na promessa de novos textos toda hora, mas é foda juvenal.

Agora sobre textos, não vou ficar citando os diversos blogs e sites, principalmente brasileiros, que ainda estão pegando no calo da Marvel e da Dc pelos Super-Heróis homossexuais. Porra mermão! Vê se cresce. Tem tanta merda que essas editoras aprontam e justo quando eles fazem algo por puro marketing (tudo envolvendo a warner e a disney é marketing para mim) mesmo esse marketing sendo bom vão acordar justo agora? E a guerra-civil? E a morte-renascimento do capitão américa ou do batman? Não vi quase nenhum texto sobre isso. Até porque aguentar ser feito de trouxas tudo bem! Afinal, o herói só morreu e já vai voltar. Agora um evento como o casamento gay é considerado pelos mongóis fãs de quadrinhos o maior absurdo do mundo!

Malditos gays né? Deveriam voltar de onde vieram. Um blog aí, dos que mais teve relevancia na discussão (não vou citar as fontes pois não tenho interesse de divulgar manicônios), diz que tá tudo errado nessas reformulações da Marvel e da DC porque os gays não deveriam ser citados! “Afinal”, segundo o homofóbico autor do post, “eles não sofreram tanto quanto os negros.”

Rídiculo? Pesquisa ai no gogls para ver se não tem.

Muito tem se falado contra a honra do “politicamente correto.” E já me acusaram disso antes, como se for “politicamente correto” fosse a maior hipocrisia de todas. Como se o certo fosse “politicamente incorreto”. Bom, eu apenas me considero um homem-feminista, não homofóbico, não racista e tento viver sem preconceitos. Piadas do tipo perpetuam sempre o mesmo tempo de preconceito, é sempre a piadinha repetida, mandando sempre as mesmas mensagens. Ao ficar contra esse tipo de coisa estou evitando uma série preconceitos que existem a séculos.

Não quero deixar o texto muito grande, só vou deixar uma mensagem para os fãs de quadrinhos:

Leiam Persépolis, Mas ele Diz que me ama, Júlia, Aventuras de uma criminóloga.

Quadrinhos que não são todos feitos por mulheres mas que tem dentro deles textos que podem ajudar a reverter essa mentalidade infantil dos quadrinhos.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , ,

Uma resposta to “Somos todos Idiotas?”

  1. Somos todos Idiotas? – Final. « trovador Says:

    […] que tem o mais de mil páginas. Mas O Idiota é de longe um dos meus livros favoritos. No post “Somos todos Idiotas”, falei sobre como cada livro novo que leio de Dostoievski parece ser o melhor livro que já li, a […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: