A série de comédia da década.

workaholics-01

No canal Comedy Central, além dos desenhos South Park, Ugly Americans, da misógina, racista e totalmente politicamente incorreta da mesma maneira que consegue ser engraçada, Tosh O., há também uma série de comédia que consegue superar os roteiros engraçados a cada episódio. Seu nome? Workaholics.

A série apresenta três empregados de uma empresa de telemarketing, Adam, Blake e Anders, aonde os protagonistas enfrentam bizarrices do cotidiano, ora acidentais, ora causadas por eles mesmo. A irresponsabilidade é a marca registrada dos episódios e os personagens conseguem ficar cada vez mais sem noção. Dividindo uma casa alugada, ela é palco para diversas festas e desventuras de nossos infortunados heróis, que por uma síndrome de Peter Pan, ainda se consideram adolescentes. Então dá-lhe Drogas, bebidas alcoólicas, pranks de escritório. Dá-lhe o tão comum desejo de sempre pegar mulher e a maneira de expor esse desejo tão comum entre os jovens. Poderia ser uma cópia imbecil de American Pie, não fosse um roteiro que prima por situações nonsense e situações bizarras de humor, unido com cenas gores que não seria mostradas na sessão da tarde. Difícil de entender? Então vamos lá, se pegar para analisar, cada episodio tem uma situação absurda que justifica outra ação mais absurda ainda, por exemplo. Como Blake andava com um cachorro morto, cheio de cabelo e porra, aonde o usou para adiar um julgamento no qual estavam perdendo? Ou como um episodio todo faz uma relação deles com o traficante como se fosse um termino de romance? Ou como explicar um episodio aonde todos acordam depois com uma ressaca e o episodio termina no ponto aonde começou? O roteiro é ótimo, e as situações absurdas são explicadas. O sentimento de vergonha alheia lembra um pouco The Office.

Criado pelos três atores, mais o traficante deles, o Karl, que rouba as cenas na qual aparece,  a série ainda conta com outros coadjuvantes engraçadíssimos, como Waymond, um baixinho mudo(que trabalha com telemarketing!).

Falando sobre drogas, este é um tema recorrente sobre a série, e praticamente em todos os episódios, os protagonistas utilizam uma droga diferente, como LSD, Antidepressivos, Maconha, cogumelos, gases(?) e várias outras que eu não consegui identificar.

Temas polêmicos são abordados com frequencia na série, que apesar de ter protagonistas ingênuos e zoeiros, não ofende o telespectador, pois eles estão claramente como personagens vivendo situações que podem ser reais, diferente de um tal de Rafinha Bastos, que conta sobre sua vida, faz piadas sobre estupros e diz que era o personagem.

Enfim,

se tem dúvidas sobre assistir, segue ai um video aonde o traficante Karl enfrenta (com um Dildo), Cortez, um colega de escritório dos rapazes.

https://www.youtube.com/watch?v=TNAENgQPljw

Anúncios

Tags: , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: